Conheça todos os tipos de catarata

Conheça todos os tipos de catarata
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Quando falamos de cataratas estamos nos referindo à opacidade que ocorre na lente, a lente natural do olho por detrás da íris e da pupila.

O cristalino é uma lente transparente que, devido à passagem do tempo ou por outras razões, pode tornar-se opaca, adoptando uma cor que pode ser amarelada, ou mesmo castanha ou escura nos casos mais graves.

Esta condição é a causa mais comum de perda de visão em pessoas com mais de quarenta anos e a principal causa de cegueira no mundo. Daí a importância de saber o que os pode produzir. 

Tipos de Catarata

As cataratas podem ser distinguidas em três tipos: de acordo com a idade, pela área em que aparecem, e outros tipos de cataratas pelas causas que as provocam. Vamos ver em que consiste cada um deles e que subtipos existem.

Catarata causada pela idade

Quando as cataratas são simplesmente causadas pela idade, elas são definidas como cataratas senis.

Cataratas Senis

Neste caso, as cataratas são causadas apenas pela passagem do tempo, é uma das doenças oculares mais comuns nos idosos e aparecem sem outras razões que precipitam o seu aparecimento.

Cataratas nucleares

A opacidade ocorre, neste caso, no núcleo ou centro da lente. Estas cataratas tendem a evoluir lentamente, afectando a visão distante mais do que a visão próxima. É o tipo mais comum, e normalmente está relacionado com a idade.

Cataratas corticais

As cataratas corticais são caracterizadas por opacidades em forma de cunha branca que começam na periferia da lente e se estendem até o centro de forma radial. Elas ocorrem na crosta do cristalino, ou seja, na parte que envolve o seu núcleo central.

Não são tão comuns como as cataratas nucleares, e por vezes estão associadas ao Diabetes Mellitus. Eles afectam mais a visão de perto.

Cataratas polares posteriores

Elas aparecem na camada posterior e exterior da lente, por isso são chamadas de polares posteriores. Ao contrário das cataratas nucleares, elas tendem a progredir muito rapidamente. 

Eles são acompanhados de brilho, e as pessoas com diabetes ou que frequentemente tomam medicamentos com altas doses de esteróides estão em maior risco de desenvolvê-los. Elas são mais comuns entre os jovens do que as cataratas nucleares e corticais.

Outros tipos de cataratas

Independentemente da idade e da área em que surgem, também podemos distinguir outros tipos de cataratas de acordo com as causas que as originam:

Cataratas metabólicas

As cataratas metabólicas estão associadas a doenças metabólicas, especialmente a Diabetes Mellitus.

Cataratas congênitas

Como o nome sugere, cataratas congênitas são aquelas que uma pessoa tem desde o nascimento, ou aquelas que se desenvolvem nos primeiros três meses de vida.

O seu aparecimento pode estar associado a condições genéticas ou a alguma doença sofrida pela mãe durante a gravidez, como a toxoplasmose ou a rubéola.

Cataratas Traumáticas

Estas são cataratas que são produzidas por um trauma ocular, de qualquer tipo, e independentemente da gravidade da lesão.

Cataratas tóxicas

Eles aparecem associados ao uso ou abuso crônico de certas drogas ou toxinas, sendo os esteróides a causa mais comum.

Tratamentos de catarata

Quando uma catarata é diagnosticada o início, a visão pode ser melhorada com novos óculos, poderosos bifocais, usando a iluminação correta e outras medidas visuais.

Quando as cataratas tiverem progredido ao ponto de alterar seriamente a visão e afetar a vida cotidiana, é altura de considerar a cirurgia da catarata. 

Muitas pessoas pensam que a visão deficiente é inevitável com o envelhecimento, quando a verdade é que a cirurgia de catarata é um processo muito simples, praticamente sem desconforto, e pode até restaurar a visão normal.

Pesquisas dão conta de que nove em cada dez pessoas que tomam a decisão de fazer a cirurgia da catarata recuperam a visão com um nível muito alto de acuidade visual. Neste procedimento, o cirurgião remove a lente turva e a substitui por uma lente intraocular (LIO).

Agora que você sabe como é a operação e suas vantagens, você gostaria de fazer a cirurgia de catarata? No IOA temos alta tecnologia e especialistas em cirurgia de catarata e estamos à sua disposição para entender o seu caso e acompanhá-lo durante todo o processo. Agende sua consulta.

4.7/5 - (306 votes)