Miopia: o que é e qual a diferença entre astigmatismo

Miopia: o que é e qual a diferença entre astigmatismo
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

O que é a miopia?

Miopia é uma deficiência do olho caracterizada por má visão à distância. Isto ocorre devido a um defeito de convergência dos raios luminosos, o que faz com que a imagem de objetos distantes se forme à frente da retina, em vez de na própria retina. Basicamente, é a dificuldade em enxergar objetos a distância.

Segundo a Sociedade Brasileira de Oftalmologia, a doença inicia-se entre a infância e a adolescência e pode se desenvolver gradual e rapidamente. 

Suas causas:

Para que nossos olhos foquem uma imagem, o mesmo baseia-se em dois aspectos:

  1. Na córnea, a superfície transparente do olho;
  2. No cristalino, a estrutura clara dentro do olho que muda de forma para ajudar no foco dos objetos.

Cada um destes aspectos citados acima tem uma curvatura lisa, como a superfície de uma esfera que reproduz toda a luz recebida da mesma maneira e faz uma imagem perfeitamente focada na parte de trás do olho. Portanto, se a córnea ou lente do paciente não é uniforme e curva, os raios de luz não são refratados corretamente e a imagem não é focada da mesma maneira, e então se tem a ideia de que a visão parece borrada, dando origem a condição da miopia. Em vez de focar justamente na retina, a luz é focalizada na frente desta, resultando em uma imagem borrada para objetos distantes.

Qual a diferença entre miopia e astigmatismo?

Miopia

Os pacientes míopes têm dificuldade para enxergar objetos distantes e quanto mais longe o item estiver, mais difícil é focalizar o mesmo. O problema é gerado, pois os olhos desses pacientes são mais longos que o normal, assim a imagem se forma antes da retina, o que gera consequentemente uma visão turva e desfocada para objetos distantes. Os principais sintomas da miopia, são a visão embaçada e possíveis dores de cabeça. 

O tratamento da miopia é auxiliar a focar a luz corretamente na retina do paciente através do uso de lentes corretivas, óculos ou cirurgia refrativa.

No caso dos óculos e/ou lentes de contato, elas deverão possuir lentes divergentes para deslocarem o ponto focal para trás, corrigindo a distância focal do olho na condição míope. Caso o problema não seja resolvido com a utilização das lentes corretivas, a opção seria a cirurgia refrativa.

O paciente que se propõe a candidatar-se à cirurgia refrativa para o tratamento da miopia, deve visitar o oftalmologista e realizar os exames.

Astigmatismo

A princípio o astigmatismo é um pouco diferente da miopia. Dá-se pela forma irregular da córnea, que apresenta uma curvatura diferente da que deveria ser. Assim, os raios de luz não conseguem convergir e, portanto, não formam imagens focalizadas prejudicando a focalização de imagens e tornando difícil enxergar de perto e de longe.

A dificuldade em enxergar em todas as distâncias se associa ao cansaço visual e à quantidade irregular de piscadas, além da dificuldade de leitura. O astigmatismo pode ser corrigido também com o uso de óculos ou lentes de contato, dependendo do caso a correção também pode ser feita com o procedimento cirúrgico.

Lembre-se!

Se você apresenta algum dos sintomas acima recomendamos que você procure um médico oftalmologista. Aqui na Clínica Oftalmológica IOA contamos com médicos especializados que garantem um atendimento único para cada cliente, priorizando sua saúde e bem estar. Agende uma consulta conosco!

Rate this post