O que é córnea e qual a sua função?

O que é córnea e qual a sua função?
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

A córnea é a parte transparente do olho que cobre a porção frontal do olho. Cobre a pupila, que é a abertura no centro do olho, a íris que é a parte colorida do olho e a câmara anterior, a seja, o líquido preenchido dentro do olho. E a principal função da córnea é refratar ou curvar a luz. A córnea é responsável por concentrar a maior parte da luz que entra no olho.

Sabemos que para enxergarmos é preciso haver luz. E a nossa córnea é composta de proteínas e células e não contém vasos sanguíneos, ao contrário da maioria dos tecidos do corpo humano. Os vasos sanguíneos podem turvar a córnea, o que pode impedi-la de refratar a luz adequadamente e pode afetar adversamente a visão.

Como não há vasos sangüíneos supridores de nutrientes na nossa córnea, as lágrimas e o líquido aquoso na câmara anterior fornecem nutrientes à córnea.

A córnea é composta por cinco camadas: o epitélio, a camada de Bowman, o estroma, a membrana de Descemet e o endotélio. A primeira camada, o epitélio, é uma camada de células que cobre a córnea. Ele absorve nutrientes e oxigênio das lágrimas e transmite para o resto da córnea. Contém terminações nervosas livres e também previne que corpos estranhos entrem no olho.

A córnea tende a se recuperar rapidamente de pequenos desgastes. No entanto, desgastes mais profundos podem causar cicatrizes na córnea, o que faz com que a córnea perca sua transparência, levando à deficiência visual.

Considerada uma parte importante do olho humano, a córnea é tão suave e clara como o vidro, mas também forte e durável, ajudando o olho de duas maneiras:

Ajuda a proteger o resto do olho dos germes, poeira e outras substâncias nocivas, compartilhando essa tarefa de proteção com as pálpebras, a cavidade ocular, as lágrimas e a esclera, a parte branca do nosso olho.

A córnea age como se fosse a lente mais externa do olho. Funciona como uma janela que controla e foca a entrada de luz nos olhos, contribuindo entre 65-75 por cento do poder de concentração total do olho.

Quando a luz atinge a córnea, ela dobra – ou refrata – a luz que entra na lente. A lente reforça ainda mais essa luz sobre a retina, uma camada de células sensíveis à luz que revestem a parte de trás do olho que inicia a tradução da luz em visão.

Entretanto, para você enxergar claramente, os raios de luz devem ser focalizados pela córnea para cair precisamente na retina. A retina converte os raios de luz em impulsos que são enviados através do nervo óptico para o cérebro, que os interpreta como imagens.

Esse processo de refração é semelhante ao modo como uma câmera tira uma foto, por exemplo. A córnea e a lente no olho atuam como a lente da câmera. A retina é semelhante ao filme e se a imagem não estiver focada corretamente, o filme, isto é, a retina recebe uma imagem borrada.

Sabe quando temos aquela sensação de embaçamento repentina? Deve-se a este processo da refração da luz e nossos olhos.

A córnea também serve como um filtro, filtrando alguns dos comprimentos de onda ultravioleta (UV) mais prejudiciais da luz solar. Sem essa proteção, a lente e a retina seriam altamente suscetíveis a lesões por radiação UV.

Mais uma vez, lembramos o quão importante se faz o uso de óculos escuros quando há muita luz solar, com o intuito de proteger nossos olhos ao longo do tempo.

Função da córnea:

Como já mencionamos, a córnea clara permite que a luz entre no olho para que enxerguemos. Mas também tem outra função muito importante – a córnea fornece aproximadamente 65 a 75% do poder de foco do olho.

O restante do poder de focalização do olho é fornecido pelo cristalino, localizado diretamente atrás da pupila, e a maioria dos erros de refração – miopia, hipermetropia e astigmatismo – são devidos a uma curvatura ou simetria menor do que a ideal da córnea. Por outro lado, deve-se a uma mudança de envelhecimento no cristalino.

Além de permitir que a luz entre no olho e forneça a maior parte do poder de foco do olho, partes individuais da córnea têm funções especializadas:

  • Epitélio da córnea: o epitélio da córnea fornece uma superfície ideal para que o filme lacrimal se espalhe pela superfície do olho para mantê-lo úmido e saudável e manter uma visão clara e estável.
  • Camada de Bowman: a natureza densa da camada de Bowman ajuda a evitar que os arranhões da córnea penetrem no estroma da mesma, trata-se de uma fina camada de córnea humana.
  • Endotélio da córnea: a única camada de células que forma o endotélio mantém o conteúdo de fluido dentro da córnea. Danos ao endotélio da córnea podem causar inchaço (edema) que pode afetar a saúde da visão e da córnea.

Visite oftalmologista regularmente para manter a saúde da sua visão em dia.

4.7/5 - (1549 votes)